18 de fev de 2011

Por que eu não me filio a sindicato de jornalista (by Maristela)

É, de fato. De onde menos se espera é de onde nada realmente sai. Dei-me ao trabalho, ontem à noite, após ler no Coletiva.net a nota sobre a idéia do Sindicato dos Jornalistas do RS de criar o Instituto de Cultura e Memória do Jornalismo Gaúcho, de ir ao site da dita "instituição de classe" e lá deixar, como cidadã, minha opinião. Que foi, resumindo, que considero um absurdo criar um instituto existindo, aqui, o Museu de Comunicação Social Hipólito José da Costa que, como até as alfaces sabem, vive à míngua.
O comentário foi aceito e, pensei com meus poucos botões que ainda teimam em funcionar (e teimar) que hoje o Sindicato, que se diz plural e democrático, teria de fato publicado em seu site aquilo que postei. Mas, ó ingenuidade minha: não só o comentário não foi publicado como a nota foi trocada!
Que feio, isso, caros colegas que querem representar "a classe" gaúcha.
De todo modo, estão no facebook minhas reações ao que considero, para dizer o mais suave, uma bobagem, uma boutade, uma coisinha assim digamos naive, esta "iniciativa" da atual direção capitaneada por José Nunes e levada, claro, para o colo do petista Adão Villaverde na Assembléia Legislativa. E digo aqui, agora e direi sempre: qual é a intenção do Sindicato em criar um Instituto que, para nascer e viver vai precisar de verbas e uma boa gestão quando o Museu, ali na esquina da rua da Praia com a Caldas Jr, segue sendo uma instituição necessitada de todo tipo de implementação, em especial financeira?
Já disse outras vezes e continuo dizendo que é um acinte um sindicato ser tão vinculado ao PT como o são nossos sindicatos de jornalistas. José Nunes, ano passado, usou a lista de endereços eletrônicos da instituição para fazer propaganda política de seu candidato petista e, candidamente, se justificou dizendo que era sua posição pessoal. Candidamente quer dizer "nos fazendo de bobos".
Não sou ligada ao sindicato, faz muito tempo que desisti de estar a ele ligada, desde acho que inventaram os "palmaços" nas redações como forma de pressionar patrão a pagar mais, sem contar a deselegância dos carros de som que ficavam dizendo asneira na rua contra os donos das mídias, uma vergonha! No entanto, acho que eticamente, uma entidade de classe que congrega, ao menos em seus conselhos, representantes de tantas alas diferentes das mídias, nomes respeitados na comunicação social gaúcha etc e tal, deveria se manter acima e além de questões ideológicas partidárias.
Mas, pela eliminação ditatorial de meu comentário e troca de nota na página do Sindjors, finalmente me convenci: o sindicato é tão somente um braço do governo, digamos uma ala de baianas interessada em rodopiar pelas avenidas dizendo "somos da esquerda, não esquecemos os anos de chumbo" e por aí vai, mas fazendo o jogo da situação. Que lástima!
Muito feio, muito feio mesmo.
Lamento por ex-colegas e até pessoas que considero amigas que estão ligadas ao Sindicato ter de dizer isso: sindicato que se alia com um lado só da política e da ideologia não serve para representar ninguém! A mim, jamais representará.
Ah. Voltei a postar um comentário no site da "entidade" comentando o "apagão" do que eu havia feito um dia antes.
Desta vez, fiz paint para arquivar. Um dia, meus netos vão ver e comentar: o Brasil era ruim, hem vovó!

2 comentários:

rm disse...

Bem, não é diferente na maioria das categorias profissionais: a própria história do sindicalismo se confunde, em grande medida, com a de certas ideologias e movimentos políticos.

No Brasil sabe-se, desde há muito, a profunda ligação dos sindicatos com o aparelho de Estado e com determinados partidos. Praticamente foi inventado aí na sua terra por Vargas que o conjugou com o PTB (o antigo). Pelegos e a serviço de certas ideologias: sempre foram assim...

Infelizmente não há alternativas a não ser participar e, conforme as regras do jogo, tentar mudar as práticas...

Beê Fontana disse...

Oi pessoal seu blog esta maravilhoso Siga o meu *-* eu ja sigo o seu. cineMacoteca, um blog novo de cinema, espero que goste e visite sempre.
http://bia-magalhaes.blogspot.com/