7 de fev de 2010

(by Celine)





Me perdi no meio de tanta boca. Sem procurar achei seus olhos. Sorriu pra mim e fugiu segurando minha mão.


Nas noites que vieram tudo foi estrela. Você desperta, você dormindo profundamente. Meus passos se medem através do caminho para seus olhos. E tudo ao meu redor é livre. Exceto meu ventre. Seu e para você.


Te espero todo fim de tarde com um espinho da rosa achada. Teu presente. Você pega de minha mão , guarda e leva para dentro. Eu acho que amo tudo que você me mostra. E meu maior medo é achar que você me ama. Assim, com uma rosa no peito...e espinho em tudo ao redor de mim.

8 comentários:

Daniel Savio disse...

Poesia bonita, pois as vezes acabamos nos perdendo em meio a tanta suposta paixões...

Fique com Deus, menina Celine.
Um abraço.

rm disse...

Ei baianinha,
que bom que passou a preguiça! rss

Onde você arranja cada foto, heim?

E onde você arranja cada texto, heim?

Luna Sanchez disse...

A gente só aprendeu a amar desesperadamente, né?

Beijo, Celine.

ℓυηα

Celine Ramos disse...

Rm, decidi levantar da rede, pra pegar o laptop..aí tava olhando o mar..e postei esse texto...rsrsrs
Ê vida boa, essa minha vida de baiana!!!

Essa foto eu tirei sábado no MAM - Museu de Arte Moderna - Salvador. Logo depois dessa foto, assisti ao por do sol ouvindo Jazz, no Projeto JAM - Jazz no Mam, que é fantástico.

Já o texto... rsrs

Beijos

Celine Ramos disse...

Daniel,

Me perco mesmo, viu?! Ando perdida de paixões..

Beijos

Luna,

Pois é! Uma pressa de amar, parece até que quando acaba, a gente morre. Logo nos desesperamos por outro.

Beijos

rm disse...

Eu sei, Celine:
com o texto o buraco é mais embaixo... Consta que Caymmi demorou 14 anos entre a primeira e a segunda estrofe de "João Valentão", uma de suas mais lindas canções... rss

Udi disse...

Sem título ...e precisa?!
Autora completa, texto e foto.
Lindos.

Helô Müller disse...

Ouvindo jazz, apaixonada e de frente pra este visual... só podia mesmo terminar, nos presenteando, também!!
E obrigada pela parte que me toca... "dorei" o presente!! rs
Bj
Helô